evitando pequenos transtornos

O conteúdo desse post pode parecer bem idiota, mas são dicas para que se evite pequenos transtornos, e quando eles acontecem, não são tão idiotas assim.

Hashi(Palitinhos):
Muitas pessoas não sabem usar o hashi, e isso faz com que se envergonhem e deixem de ir ao restaurante, mas ninguém deve se envergonhar, isso é bastante comum!
Na etiqueta japonesa, o hashi é necessário apenas para o sashimi, o sushi (originalmente) é para ser comido com as mãos, por isso que em bons restaurantes, eles dão uma toalha bem quente para que você limpe as suas mãos, ou seja, você sempre terá essa opção.
Existem também hashis com elástico, coisa que facilita a vida de muita gente que ainda não está habituada com os “palitinhos”.

Preços:
É legal comentar que: sushi não é arroz e feijão! Salmão/atum/etc não é mortadela! Não é uma cozinha barata! Tire essa coisa de brasileiro pobre da cabeça, e pare de ficar reclamando de preço! Tem restaurantes que abusam, isso é fato! É horrível quando a conta chega e você é surpreendido por um valor muito maior do que esperava, e para evitar esse transtorno, se informe sutilmente sobre a faixa de preço, e não vá ao restaurante e crie caso com o garçom porque achou tudo muito caro, isso é grosseiro.
Em restaurantes bons, a média de custo de rodízios fica entre 30 e 70 reais, é claro que existem restaurantes bem mais caros e de alto padrão, mas prefiro falar sobre coisas mais acessíveis.

Roupas:
Tente evitar roupas de cor clara, parece frescura, mas não é(mesmo assim, muita gente vai achar que é)! Quando você vai a algum restaurante japonês, sempre existe uma alta probabilidade de “babar” shoyu na sua roupa. Se for almoçar num restaurante japa e depois voltar para o trabalho, você vai ficar visivelmente sujo o dia todo.
O que tira mancha de shoyu é nabo! Se caiu shoyu na sua roupa, peça para algum funcionário do restaurante te trazer um pouco de nabo, esfregue em cima do local sujo e fará com que não manche.
Esse tópico é apenas um conselho, nada te impede de ir a um restaurante com um vestido de noiva.
Obs.: se o restaurante for self service, evite deixar a comanda ao lado do potinho com shoyu, sua comanda vai virar um dálmata.

Água:
Depois de comer em um restaurante japonês, sempre peça uma água, shoyu tem muito sódio(faz mal para a saúde), e isso fará com que você sinta muita sede(a boca fica seca) após uma hora ou até menos.

Wasabi:
É uma pastinha verde e bonitinha, sempre tem nos restaurantes! Em poucas quantidades, é uma delícia como tempero, mas em grandes quantidades…, você vai passar por uma atividade extracorpórea onde tudo o que passa pela sua cabeça é “Preciso cuspir essa merda!”! É uma pasta de raiz forte, ou seja: é forte!
Lá vai uma dica: se você estiver com o nariz entupido num restaurante japonês, coloque um tanto considerável de wasabi na boca e mastigue, é bem provável que você volte a respirar, talvez depois de lacrimejar e etc, mas vai melhorar a sua respiração. De qualquer modo, eu prefiro ir a farmácia e comprar um remédio.

=D.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s